quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Imaginado esquecido

Ausência de lembranças
A melhor parte
Corpos em espasmo incontido
De bocas ávidas em procura infinita
Mentes escondidas
Sem arrependimentos
Sem procedimentos
Sem análises infindáveis
Inconclusas
Só os corpos contentes
O esquecido lembrado
Imaginado

2 comentários:

Viviane disse...

Amiga...coloquei em dia a leitura do seu blog! Nossa ta va devendo...mas vc sabe q o tempo ta curto.

bjusssssssssssss
Adorei

maria disse...

Ausência de lembranças... a melhor parte é quando há presença e não precisamos lembrar!